Você se lembra do meu post sobre Zakynthos, a fantástica ilha grega e sua bela e azul Navagio Beach? Pois bem, se você for para Zakynthos, indico fortemente que visite sua vizinha Cefalônia (ou Kefalonia), pela proximidade (cerca de 1 hora de distância) e beleza.

Praia de Pesada

Praia de Pesada

Lourdas Beach

A Kefalonia é a maior das ilhas jônicas (eu expliquei as diferenças entre as ilhas jônicas, as cíclades e outras no meu post de Zakynthos). Retomando rapidamente, as jônicas são as ilhas de águas azuizíssimas! As cíclades são as de “mar escuro” (decorrente de areia vulcânica) e casinhas brancas com telhados azuis. Relembre o mapa que postei do mar grego e localize a Kefalonia.

Clique para abrir maior. Mapa das ilhas gregas. Fonte: http://www.greekisland.co.uk/greeks/greek-maps.htm

Lourdas Beach

Lourdas Beach

Como chegar

Se for de avião:

Existem algumas cidades da Europa que oferecem voos diretos para Kefalonia. Mas de Atenas com certeza tem. Portanto, consulte os sites da Aegean Air, da Olympic Air, da EasyJet e da Ryanair. Eu somente voltei da Kefalonia para Atenas com a Aegean, os preços estavam muito bons e é apenas 1 hora de voo.

Os deliciosos Giant Beans

Se for de ônibus (ou carro alugado) + ferry boat:

Em Atenas você pode pegar um ônibus no terminal KTEL (Rua Kifissou, 100). Esses são os preços e horários que ligam a capital do país a Kefalonia e Zakynthos. São 3,5 horas de viagem.

Melissani Cave

Melissani Cave

Melissani Cave

Na verdade, de ônibus (ou carro), você primeiro precisa ir até Kilini (ou Kyllini). Esse é o ponto no continente onde você pegará o ferry boat, e daí pode ser ou para Zakynthos ou para Kefalonia. A Kefalonian Lines e a Levante Ferries são as empresas de ferry boat que fazem o trajeto de Kilini a Kefalonia (ou Zakynthos) e vice-versa. Nos sites você pode ver os preços atualizados, bem como os horários. O percurso é de 1 hora. (Note que há um preço para quem atravessa a pé e outro para quem vai atravessar com um carro.) Consulte também o Ionian Group e o Direct Ferries.

Antisamos Beach

Antisamos Beach

Antisamos Beach

No verão, há também 2 horários por dia para fazer o trecho de ferry entre Zakynthos e Kefalonia, porém, como são poucos horários e o ferry não sai do centrinho principal de Zakynthos, mas sim de um lugar mais distante (Agios Nikolaos), achei que seria mais trabalhoso, no meu caso, ir de uma ilha à outra dessa forma, e preferi, assim, sair de Zakynthos, ir a Kilini e de Kilini a Kefalonia. Porém, se você tiver alugado um carro em Atenas e for atravessar para as ilhas no ferry com esse carro, imagino que será mais fácil circular pela ilha e escolher sua logística perfeita. Eu comprei na hora o ferry e foi bem tranquilo conseguir passagem.

Lake Karavomilos

A capital da ilha é Argostoli, mas a ilha toda tem várias cidades e vilarejos. Lá tem um centro maior, com uma espécie de calçadão com lojas. Em comparação com Zakynthos, achei Kefalonia mais povoada e com cidades mais desenvolvidas.

Eu fiquei apenas 2 dias nessa ilha, mas é possível fazer diversos roteiros diferenciados. A Kefalonia tem mais de 30 praias, e não é fácil escolher quais visitar!

Uma das estradas da ilha

Agia Efimia

Agia Efimia

Quando desembarquei do ferry de Kilini no porto de Poros, na Kefalonia, já estava “escolada”: você se lembra que passei o maior perrengue por não saber que o transporte público em Zakynthos era inexistente e precisei alugar um carro de última hora? Pois bem, desci do ferry na Kefalonia já preparada para fazer o mesmo!

Agia Efimia

Agia Efimia

Indo para Myrtos Beach, vejam como a ilha é bem sinalizada

Ao desembarcar, percebi que rapidamente cada passageiro se ajeitou dentro do carro de quem foi buscá-los, alguns foram de táxi e só eu sobrei. Perguntei sobre ônibus, mas não tinha realmente. Depois, pelo que pesquisei, parece que até tem um serviço de ônibus nessa ilha, mas é extremamente escasso (coisa de 1 por dia para cada localidade), e rodando bastante pela ilha, não cruzei em momento algum com qualquer tipo de transporte público. Portanto, alugue um carro, que será a melhor forma de conhecer a Kefalonia.

Mirante da Myrtos Beach na estrada

Myrtos Beach vista de cima

Myrtos Beach vista da estrada

Eu rapidamente me ajeitei, pedi um táxi numa lanchonete, que me deixou no vilarejo Skala, com várias locadoras de carros e resolvi meu problema. Skala, assim como os outros vilarejos da Kefalonia, é cheio de charme, com vários restaurantes e pequenas lojas e pousadas. As praias mais próximas dessas pequenas cidades são mais “urbanas”. Elas tem o mar muito azul, mas já há estrutura de cadeiras de praia e restaurantes. Me hospedei na região de Mousáta, não muito longe da capital Argostoli, mas estando de carro daria para se hospedar em qualquer parte da ilha.

Myrtos Beach vista da estrada

Myrtos Beach: praia mais incrível da Kefalonia

Myrtos Beach: praia mais incrível da Kefalonia

Minhas primeiras paradas foram as praias de Pesada e Lourdas, já lindíssimas!

Após almoçar os ótimos Giant Beans num restaurante local, segui para um dos lugares mais esperados da ilha para mim: a Melissani Cave. Veja no mapa abaixo, estava hospedada próximo a Pesada e Lourdas, e cruzei pela rodovia central da ilha para o vilarejo de Sami.

Clique para abrir maior. Mapa da Kefalonia. Fonte: http://kefaloniaway.com/en/kefalonia-map-with-beaches/

Myrtos Beach: impossível não se admirar!

Myrtos Beach

A Melissani Cave é uma caverna que esconde um belíssimo e azul lago. Um terremoto em 1951 fez o teto dessa caverna desabar. Paga-se 7 euros para entrar, o que inclui uma voltinha de barco pelo lago. O passeio dura cerca de 20 minutos, mas é bem bonito. O lago entre os paredões de 36 metros de altura tem 20 a 30 metros de profundidade. Para ver as águas num tom mais turquesa, tente ir entre 12h e 14h, quando o sol entra pela abertura superior da caverna. Próximo à Melissani Cave existe a Caverna Drogarati, que seria mais no estilo “comum” de cavernas, mas não visitei.

Myrtos Beach

Myrtos Beach: admirando…

Tentativa da foto anterior, que foi feita com temporizador da câmera

Saindo desse passeio, segui para a bela praia de Antisamos. Como várias praias da Grécia, essa é composta por pedrinhas brancas no lugar de areia. Antisamos tem certa estrutura, há estacionamento e um restaurante que fornece cadeiras de praia, além de alguns bares. Para acessar a praia, você desce por uma espécie de baía, de onde avista a praia do alto.

Na volta fiz uma parada no lago Karavomilos, próximo novamente à Melissani Cave, e, em seguida, em Agia Efimia, outra cidadezinha bastante charmosa.

Praia no caminho de Petani Beach

Petani Beach

Petani Beach

Depois fui para outro lugar dos mais esperados: a icônica Myrtos Beach, uma das praias mais lindas da Grécia! Do caminho há belíssimos mirantes para a praia, o que comprovava a beleza dessa praia. Myrtos Beach é o cartão-postal da Kefalonia, uma daquelas praias turquesa que enche os olhos! Lá tinha alguns bares e cadeiras de praia caso precise. Fiquei hipnotizada pelo mar dessa praia!

Petani Beach

Petani Beach

Estradinha de Kefalonia

Eu meu outro dia fui para uma praia mais afastada, a Petani Beach. No caminho vi algumas praias lindas que não estavam nos planos, e tive vontade de parar, mas uma delas tinha que descer por uma estradinha ruim, não asfaltada, e como estava totalmente deserto (sem ninguém para me ajudar se desse algum problema) fiquei com medo e desisti.

Aproveitando, o asfalto das estradas em Kefalonia é ótimo. Porém, no geral, as rotas ficam no alto, e assim você pode sempre ter mirantes magníficos das praias. Mas isso significa também que essas estradas ficam em encostas, em sua maioria estreitas e cheias de curvas. Portanto, tome cuidado ao dirigir pela ilha.

Mouda Beach, próxima do vilarejo Skala

Estradinha na Kefalonia: cuidado!

A praia de Petani era tão linda quanto todas as outras maravilhosas da ilha! Depois voltei para almoçar em Skala e aproveitei a praia por lá. Repeti das praias perto de minha hospedagem e fui para o aeroporto seguir para o próximo destino.

Mouda Beach, próxima do vilarejo Skala

Mouda Beach, próxima do vilarejo Skala

Visitei o principal da ilha, mas gostaria de ter visitado outras praias que não fui, como a região de Assos (com seu vilarejo e seu castelo), Foki Beach (próxima a Fiskardo), Vouti Beach, dentre muitas outras. Se você abre um mapa da Kefalonia no Google e começa a dar zoom para ver os nomes das praias e procurar foto de todas elas, vai sempre descobrir uma mais maravilhosa que a outra.

Portanto, Kefalonia é aquele lugar paradisíaco que sempre terá praias para conhecer, e também aquelas joias para retornar!